A Importância da Gestão no Agronegócio


Uma das maiores vantagens do agronegócio, é a resiliência ante às mudanças das condições do mercado. Por operar sempre em uma perspectiva de longo prazo e buscar uma maior produtividade e eficiência, o crescimento do setor do agronegócio, tem se sustentado ao longo de várias décadas e tem crescido de forma evidente. 

Atualmente, o agronegócio tem tido um papel fundamental no PIB brasileiro (23,4%), assim como para a própria sociedade. As boas safras e produções internas pré e durante o período pandêmico, tem evitado o desabastecimento de mercados ao redor do Brasil e tem mantido a renda de muitas famílias (cerca de 21% dos empregos nacionais são diretamente relacionados ao agronegócio), além de manter a exportação fazendo a economia nacional rodar. 

Afetados pela crise

Apesar disso, crises econômicas ou sanitárias de ordem nacional e internacional, são inevitáveis, o que gera certa apreensão em qualquer produtor, em especial nos momentos de alta do mercado. 

Um bom exemplo é a pandemia do Covid-19, que tem evidenciado problemas de logística ao redor do país, não se limitando apenas a infraestrutura, mas abarcando problemas como sistema logístico, que engloba os altos custos de frete, empresas de transporte, caminhoneiros, etc.

Além disso, os problemas de ordem econômica que têm surgido com a pandemia, também geram apreensão em muitos produtores. O fechamento de fronteiras, restaurantes, bares e retenção de gastos de muitos cidadãos, faz com que haja um acúmulo de certos produtos. 

Soluções

Como praticamente tudo na vida, sim, há uma solução. Na realidade várias, e todas elas vêm acompanhadas de uma boa gestão. Por mais que muitas crises não sejam previsíveis, é possível minimizar seus efeitos tentando se antecipar aos fatos ou reduzindo custos.

Como sabemos, o futuro do agronegócio está inteiramente ligado à tecnologia. Cada dia mais investe-se em IoT (Internet das coisas), aplicativos e softwares voltados para redução de custos e aumento de produção, o que facilita em muito o planejamento antecipado.

São as mais variadas opções utilizadas, desde drones a softwares especializados, como também pequenos sensores que facilitam o momento do abastecimento de máquinas do campo. Seja qual for a tecnologia escolhida pelo produtor, uma coisa é certa, ela só vêm para somar ao negócio.

Outras vantagens do setor ante as crises é o fato de que, sendo uma das principais forças da economia brasileira, o governo não tem medido esforços quando se trata de auxiliar o setor. Desde iniciativas que favorecem a emissão de títulos do agronegócio, que permitam com que instituições financeiras privadas operem créditos rurais com nivelação de juros, ou mesmo com a permissão para que terras sejam fracionadas como garantia de empréstimos bancários, o governo tem incentivado o produtor a investir no setor.

Por esses e outros motivos, o setor do agronegócio se mantém firme há mais de uma década no Brasil. E em 2020, há quem diga que após a pandemia da Covid-19, o setor do agronegócio sairá mais forte, gerando mais empregos e se mantendo entre as gigantes de produção e exportação no mundo.

Fique por dentro das novidades

Desenvolvimento Logo TekoaTekoa
WhatsApp chat