Como escolher um ERP para mineração?


Um dos maiores desafios dos empreendedores do setor de mineração diante do cenário atual é, assim como em outros outros setores, reduzir custos e aumentar a produtividade do seu negócio. Felizmente eles contam hoje com ferramentas tecnológicas para auxiliar nessa missão. Uma das mais importantes nesse sentido é o ERP para mineração.

Esses programas computacionais auxiliam na gestão e no controle das operações. Além disso, ajudam a otimizar processos e atividades e aperfeiçoam a tomada de decisão. Isso faz toda a diferença e permite que se tenha uma administração muito mais estratégica e profissional.

Além de serem grandes aliados no gerenciamento do negócio, os sistemas ERP para mineração ajudam na otimização de atividades específicas. Em resumo, operações como a lavra, o desmonte, o transporte, o beneficiamento e o embarque também se beneficiam.

O que é um software ERP e por que ele é importante

Os Enterprise Resource Planning (mais conhecidos pela sigla ERP) são softwares de gestão que possibilitam que cada aspecto do negócio. Antes controlado de forma manual e isolada. Passe a se integrar em uma única plataforma digital.

Aqui no Brasil, eles também são conhecidos como Sistemas Integrados de Gestão Empresarial. A ferramenta permite a organização de toda a operação do empreendimento e automatiza ao máximo todos os processos envolvidos. Ela também torna acessível cada parte do negócio em qualquer dispositivo digital.

Um passo importante das empresas de TI nos últimos tempos foi desenvolver plataformas com módulos direcionados a determinados setores. É o caso do ERP para mineração, que pode oferecer de modo integrado soluções de gestão de cadeia de suprimentos e commodities, de portfólio e projetos, aditivos e processamento específicas para o segmento.

Além disso, na mineração, os trabalhos manuais tomam muito tempo e costumam estar altamente sujeito a erros. A adoção de softwares voltados para esse tipo de atividade, promove a geração de informações confiáveis e aumenta a velocidade do processamento dos dados.

Como escolher o sistema ERP para mineração ideal

Mais do que contar com programas analíticos, se faz necessário integrar todos os sistemas de recolhimento de dados. Que utilizam softwares para monitorar as fases do processo. Como vimos, é justamente nessa parte que atua o ERP para mineração.

No entanto, para poder usufruir de todos os benefícios que uma ferramenta desse tipo pode trazer. É preciso escolher o sistema que apresente a solução ideal para o seu negócio. Para isso, é essencial, além de conhecer as suas próprias necessidades, ficar atento às características oferecidas pelo fornecedor.

Presença de módulos exclusivos para mineração

Para ser adequada às necessidades do setor mineral, o ERP deve ter módulos exclusivos para mineração. Sendo esse um segmento que adotou a tecnologia de forma mais lenta e que ainda está atrás de outras empresas nesse sentido, vale ficar atento ao tipo de sistema que será adquirido.

Os sistemas com módulos voltados para mineração podem oferecer recursos para gestão de compliance e risco operacional, levando em conta ambiente, saúde, segurança. O gerenciamento do ciclo de vida do produto em conformidade e a sustentabilidade corporativa também são pontos abordados pelos ERP para mineração.

Outro exemplo de tecnologia oferecida por plataformas com módulos específicos área é um sistema computacional que simula e otimiza resultados do blend de minérios.

Facilidade de uso

Um sistema de gestão interfere na estrutura de todo o funcionamento do empreendimento. Por essa razão, é importante garantir não só que ele seja útil, mas que também seja fácil de utilizar.

As melhorias operacionais promovidas pelo ERP para mineração só podem ser exploradas se o software for acessível para os colaboradores. Investir em uma ferramenta com facilidade de uso assegura que o seu potencial seja totalmente explorado – e que o investimento realmente valha a pena. Também é recomendado verificar se a desenvolvedora do programa oferece treinamentos e capacitação para os funcionários.

Integração com outras plataformas

Para que o ERP para mineração cumpra o seu papel e seja um sistema comum com habilidade de compartilhar informações importantes com todos e em tempo real, ele precisa ter acesso a esses dados. Para que isso seja possível, é necessário que ele ofereça integração com outras ferramentas tecnológicas utilizadas na gestão do negócio.

Podemos citar como exemplo, a integração com sistemas de telemetria que gerenciam as condições operacionais das viagens percorridas pelos caminhões da empresa. Também é interessante que o ERP para mineração seja integrável a sistemas de abastecimento automatizado de frotas como SAAF.

Desenvolvido pela IONICS, o SAAF é voltado à operação de abastecimento e tudo que envolve o consumo de combustível de máquinas e veículos. Ele registra todas essas informações e pode transmiti-las e integrá-las com dados de outras partes da produção. Essa integração traz uma série de benefícios ao gestor. Que passa a ter um monitoramento total e detalhado do negócio.

Tecnologia é fundamental para evitar estagnação do setor

Outro importante benefício do ERP é a possibilidade de transformar os dados coletados por sensores, monitores e demais dispositivos em inteligência artificial capaz de oferecer soluções para ganho de eficiência.

Sabemos que os investimentos em tecnologia no setor mineral são cada vez mais importantes em vários sentidos. Eles ajudam a realizar análises mais aprofundadas, minimizar riscos e reduzir custos operacionais.

Além disso, essas soluções também permitem agilizar e automatizar processos, aumentar a segurança, a eficiência da operação e a produtividade. E os benefícios de todas essas ferramentas tecnológicas podem ser potencializados se integrados em um ERP para mineração.

Fique por dentro das novidades

Desenvolvimento Logo TekoaTekoa
WhatsApp chat